sexta-feira, 25 de outubro de 2013

1975 - I Torneio Brasileiro dos Campeões e I Torneio Sul-americano de Automóveis de Turismo

Antes de falar sobre a temporada completa das corridas de 1975, eu preciso muito falar sobre o Torneio com o Maverick de 4 cilindros.

Pessoal, mais do que nunca é de total importância a leitura de todas as matérias para entender por completo como se deu o torneio do Maverick de 4 cilindros que na verdade foi dois torneios ao mesmo tempo.

A vantagem de ter várias fontes de pesquisa, no caso os jornais e revistas é que encontramos bastante informação, porém, o lado não muito bom, no quesito entendimento, é que as informações podem ser um tanto quanto repetidas e se não acompanharmos tudo certinho, acabamos sem entender nada.

Por esse e outros motivos aconselho você a ler as matérias com bastante atenção, porque eu não vou e nem posso ficar escrevendo a matéria toda novamente, como de costume, vou apenas comentar o que já está escrito nas reportagens. Ok? Vale a pena.


Jornal Caxias do Sul 12.7.75
"Maverick, o automóvel dos campeões"
Aqui vem falando da premiação do campeonato da Formula Ford, mas tem mais intenções por aí...


Jornal do Brasil 16.7.75
Um torneio somente com Maverick 4 cilindros!
Este é o princípio. A CBA tem planos de dinamizar o automobilismo brasileiro por criar um campeonato onde participem pilotos da América do sul com carros usando as regras da Divisão 1 . A Ford, sabendo disso, disponibilizou 40 Maverick de 4 cilindros para ter um campeonato só deles. Olha que idéia boa né?
O objetivo é estabelecer um intercâmbio efetivo na área do automobilismo e também apresentar novos espetáculos ao público, mas isso são planos para setembro.

A matéria diz também sobre a premiação da Fórmula Ford, serão dois Maverick de 4 cilindros como prêmio.
Folha de S. Paulo 19.8.75
Mais para o final da matéria, vemos que esse torneio ficou conhecido pelos pilotos como “Festival Maverick”.


Vou ter que atualizar completamente o Quiz Maverick...

Folha de S. Paulo 23.8.75
A burocracia já está sendo feita.

Diário da Tarde 25.8.75


Diário do Paraná 4.9.75

O piloto Pedro Muffato vai representar o estado do Paraná. A reportagem vem informando que as corridas serão no Brasil e na Argentina, explica que os Maverick 4 cilindros são iguais para todos e que estão dentro das regras da Divisão l.

Mais pilotos ainda serão convocados.


O Estado do Mato Grosso 4.9.75
"Apesar de seu sucesso na F-1, Carlos Pace vem sendo presença constante nas grandes promoções automobilísticas do Brasil."

1975 foi o melhor ano do Pace na Formula 1. Tem gente que diz que essas corridas de Maverick no Brasil o prejudicaram.... nem vou comentar...

Eu queria muito poder revirar os arquivos da Globo por um dia. Eu iria procurar o video dessa corrida que com certeza eles tem, visto que eram patrocinadores do evento.

Diário de Notícias 10.9.75
Agora é definitivo, as corridas serão em São Paulo e em Brasília. Serão dois campeonatos simultâneos como já vimos também na matéria anterior, a saber:  I Torneio Brasileiro dos Campeões e I Torneio Sul-americano de Automóveis de Turismo.


A atração especial fica por conta dos dragsters americanos que farão apresentações antes das corridas.

Jornal do Brasil 10.9.75
Bom, além das informações que já vimos, aqui temos as regras de classificação, pontuação e baterias.

Uma lista de pilotos é anunciada, mas até o dia 14 pode ser que alguma coisa mude.

Jornal do Brasil 11.9.75
Essa matéria tem duas partes. A primeira eu escolhi mostrar pois fala sobre o piloto Vittorio Brambilla, justamente porque ele estará a bordo do Maverick e também porque não tinha ouvido falar nele ainda, então serviu para nos familiarizar com o piloto.

A segunda parte é mais interessante, é a respeito dos dragsters que se apresentarão no dia da corrida.
Não são apenas dragsters, são Maverick dragsters! Se liga em quem são os donos e pilotos: Wayne Gapp e Jim Halloran.
A matéria segue com a explicação de como é uma corrida com esse tipo de carros. Hoje em dia nós conhecemos e amamos as provas de arrancada com os dragsters, mas em 1975 essa era uma modalidade bem desconhecida dos brasileiros. O mais legal de tudo é que os dragster são os Ford Maverick.
Vamos continuar acompanhando e descobrir mais detalhes.

Folha de S. Paulo 11.9.75
Praticamente a mesma matéria.


Jornal do Brasil 12.9.75

Então são dois torneios, mas nessa primeira prova já teremos o vencedor do I Torneio Brasileiro de Campeões .
Acontecerá também a prova de slalom que está bem explicada na matéria.
Folha de S. Paulo 12.9.75
O dia vai ser agitado!



O Estado do Mato Grosso 12.9.75

Olha quanta repercussão na mídia...


Jornal de Caxias 13.9.75
Não era só o Pace que largava a sua principal categoria para vir correr no Brasil. Olha aí que legal vários pilotos aceitando o convite e vindo participar. Isso foi inédito no continente.


Diário de Notícias 13.9.75

Mais sobre os dragsters. Wayne Gapp e Jack Roush (coloca Jack Roush no Google pra você ter uma idéia de quem estamos falando... Pois é, esse monstro começou com o Maverick) eram sócios e tinham acabado de vencer uma prova em Indianápolis. A equipe ainda conta com James Halloran, William Jameson e Steve Roth.


A prova de Slalom deve ter sido muito interessante de assistir, principalmente naquela época. Hoje acho que poderia ser comparada com as provas de drift do X Games, mas sem o drift kkkk eu sei que vocês entenderam.
Folha de S. Paulo 13.9.75
Olha uma foto do Maverick Dragster aí! Eu já tinha lido que havia ocorrido a apresentação de Maverick dragster nessa corrida, mas nunca tinha visto uma foto. Se você também não tinha visto a foto desse Maverick no contexto de Interlagos, comemore! 

Jornal do Brasil 13.9.75
As matérias são da mesma data, mas de jornais diferentes. Não sei dizer se existe a possibilidade de uma ter sido feita antes da outra, mas como podemos ver, tem coisas que não se encaixam, como por exemplo, a relação dos pilotos. Acredito que nessa ordem que coloquei seja mais fácil de entender.
Portanto, como estamos a um dia da corrida e já teve mudanças na lista de pilotos, vou fazer uma lista de todos eles pra ficar melhor de visualizar e entender:

Os 3 pilotos mais importantes:

José Carlos Pace - BRA
Alex Dias Ribeiro - BRA
Vittorio Brambilla - ITA

Pilotos brasileiros convidados pelos representantes em seus estados:

Clóvis de Moraes – RS
Pedro Muffato – PR
Luiz Pereira Bueno – SP
Paulo Guaraciaba – DF
Cairo Fontes – GO
Norman Casari – RJ

Pilotos brasileiros escolhidos pela CBA:

Artur Bragantini – SP
Aloysio Andrade Filho  – SP
Edgar Melo Filho – SP
Paulo Gomes – SP
Jaime Silva – SP
Newton Pereira – SP
Fabio Crespi – SP
Paulo César Lopes – DF
Bob Sharp – RJ

Pilotos Sul-americanos:

Luiz de Palma –ARG
Jorge Recalde – ARG
Esteban Fernandino – ARG
Carlos Garro – ARG
Ricardo Zunino- ARG
Roberto Bitar – PAR
Hector Omar Risso – PAR
Daniel Luzardo – URU
Alberto Branda – URU
Rodrigo Gana- CHI
Luis Bengoles Hurtado – CHI
Henry Bradley – PER
Helmut Seng – BOL
Franklin Peres – EQU
Edgar Soares – BOL

Ainda temos:

Camilo Cristófaro – DF
Piloto vencedor da prova de slalom.

Pois é, por isso que se chama Sul-Americano, estão presentes de toda a América Latina.
Assim chegamos ao numero de 35 pilotos e carros para a primeira prova que acontecerá em Interlagos.
Qual o seu piloto favorito? Estou apostando tudo no meu xará José Carlos Pace, o Moco!


Diário do Paraná 14.9.75
É dia de corrida! Verdade que na Argentina eles tem ou tinham um Formula 1 só deles?
Nenhum dos pilotos andou ainda com o Maverick que será usado na corrida e os carros são idênticos quanto a preparação então será uma corrida bem justa.

Ao longo das reportagens vemos um breve currículo dos pilotos. Só tem fera.

Quem melhor que Luiz Antonio Greco para ficar responsável pela preparação dos Maverick?
Os carros são iguais, vai depender do sorteio para saber qual carro cada piloto ficará, lembrando que o numero do carro define a posição de largada.


Antes da prova em si, haverá a apresentação dos Maverick dragsters e também a prova de slalom.
Folha de S. Paulo 14.9.75

Jornal do Brasil 14.9.75
Está ruim pra ler. Tentei dar um jeito, mas não ficou muito bom.




O Globo 14.9.75


É o dia da primeira corrida e o jornal O Globo traz informações valiosas e imagens incríveis!
Temos a informação que Vittrio Brambilla, José Carlos Pace, Alex Dias Ribeiro e Camillo Christófaro só participarão apenas da primeira corrida em Interlagos.

O jornal diz também que a Rede Globo de Televisão iria transmitir as duas baterias ao vivo e a apresentação passaria no Fantástico.

TV Globo, por favor, nós deem acesso a esses videos, por faovr, por favor!!!

E essas fotos do jornal?

Alex Dias e Paulo Gomes descontraídos;
A oficina do Greco com os Maverick que vão correr e
Uma foto do Pace uniformizado e com o seu maravilhoso capacete entrando no Maverick.

São imagens que não sairão da minha cabeça...



Como será que foi isso ao vivo heim....
Chega de curiosidade!




Vídeo maravilhoso! Impressionante, fantástico, espetacular...
Encontrei esse vídeo por ler o Blog do Jovino.
Se eu já tinha ficado muito contente de ter visto a foto preto e branco do dragster no jornal, imagina como me senti ao ver esse vídeo!
Acontece que esse vídeo já está a mais de um ano no youtube, e só hoje eu vi. isso é normal né...
Seu Guima ou Luiz Guimarães foi o responsável por tudo. Puxa como estou grato.

Aqui temos o comentário do Seu Guima em outro blog o Tito Tilp

http://titotilp.blogspot.com.br/2012/03/ah-seu-guima.html

Não sei qual palavra de admiração e espanto usar pra me expressar!

Acho muito importante o compartilhamento de conhecimento. Se todos nos unirmos, teremos tanta informação...

Parabéns pelo trabalho de vocês pessoal. Continuem assim!


Folha de S. Paulo 15.9.75
Nããããooooo! O Pace perdeu! Ou será que o Carlos Alberto Garro que ganhou?

Como mostra o filme do grandioso Steve McQueen, 24 Horas de Le Mans, a emoção no automobilismo vem das batidas, derrapagens... tudo aquilo que é ruim para os pilotos chamam mais a atenção do público do que uma bela manobra ou ultrapassagem. Essa emoção não faltou. Logo na primeira curva já teve carros capotando e voltando a correr.
Esse Garro era abusado heim!
O Pace estava na frente na última volta, mas um erro custou-lhe a vitória.
Um pouco mais pra trás, tinha tanta batida que até saiu fogo do Maverick de Brambilla.
Mas olha só, o Pace, maior favorito, ficou em segundo na 1ª bateria e em terceiro na 2ª bateria. Realmente foi o Carlos Garro que venceu, ainda mais porque o campeão sairia pela soma de pontos. Parabéns Carlos Garro.

As imagens: O garotinho tinha uma visão privilegiada, o acidente de Brambilla aconteceu bem a sua frente. Vemos o pódio e uma curva com os Maverick andando muito perto. Insano!

Jornal do Brasil 15.9.75
Mais imagens!

Bom, o I Torneio Sul Americano de Automóveis de Turismo continua em Brasília, mas já temos o campeão do I Torneio Brasileiro dos Campeões foi um argentino, o piloto Carlos Garro.


O Globo 15.9.75
Antes da corrida, o Pace já havia dito que a sorte teria um peso danado nessa corrida, então não é desculpa de perdedor rsrsrsr o título da reportagem está correto.

O Pace era um piloto conhecido por falar pouco, não se envolver em polêmicas... mas quando ele falava, impressionava e era respeitado.
Vemos um exemplo disso no 4º paragrafo do texto. Como eu admiro esse cara!

E essa primeira parte foi de desculpas por parte dos brasileiros e alegria dos argentinos. O Carlos Garro parece ser, além de um grande piloto, uma pessoa muito interessante. Falou-se muito da sorte... Eu não acredito em sorte, por isso estou achando estranho rsrsr


Ótima descrição das baterias, ótima ilustração com fotos incríveis da corrida.



Jornal do Brasil 17.9.75

Na lateral vemos escrito bem grande: GAPP - ROUSH. Eles eram os patrões e estavam fazendo um bom nome nesse período.
Quando vi essa foto, lembrei que já tinha visto esse Maverick antes em algum site americano. Podem procurar, tem umas fotos bem legais. Ele era azul e branco e com 4 portas. Era chamado de “Tijuana Taxi” e ganhou tudo o que disputou em 1975. Nessa época Gapp e Roush tinham ainda um Ford Mustang 1974 e um Ford Pinto 1973.
Pelo que li em outras pesquisas, esse Maverick foi posto a venda um tempo depois.

Voltando a matéria, vemos que o Maverick de mais de 700 cavalos de potencia chegou a aproximadamente 250km/h nos 400 metros de reta em frente as arquibancadas de Interlagos.
 O resto fala mais sobre aos pilotos, os carros e as categorias.


Essa matéria entrou pra minha lista de favoritas! Essa foto é a mesma que a Folha de S. Paulo publicou no dia 13. Como a apresentação foi no dia 14, é impossível que essa foto tenha sido tirada em Interlagos. Uma pena... mas quem sabe a gente não encontra uma  por aí.

Jornal do Brasil 18.9.75
Marcada para o dia 21, a 2ª e última etapa do I Torneio Sul Americano de Automóveis de Turismo já tinha a programação oficial.

Folha de S. Paulo 20.9.75
Engraçado é que antes da prova de Interlagos, ninguém falava em Carlos Garro, a atenção estava toda voltada aos famosos e tal, mas agora como sua vitoria, o campeão Carlos Garro ganhou respeito e jogou a responsabilidade para o Pace de vencer a corrida.

Os argentinos estão correndo juntos, esse foi o segredo pra ter tanto argentino na frente kkkk


Não teremos Dragsters em Brasília, mas teremos o desfile da banda marcial e uma corrida feminina. Bem interessante, entretenimento de todos os tipos e gostos!

Folha de S. Paulo 21.9.75
É hoje!, ou melhor 21.9.75. As vezes parece que tudo isso esta acontecendo agora ao vivo.
Dessa vez serão 33 carros no grid.

Façam suas apostas!
Jornal do Brasil 22.9.75

Folha de S. Paulo 22.9.75

José Carlos Pace!
Venceu a corrida, passou Garro no torneio e ficou com o título de campeão do I Torneio Sul Americano de Automóveis de Turismo!
Pace e Garro foram uma atração a mais nesse torneio. Ambos venceram duas baterias cada. Seria muito interessante vê-los em outra corrida pra desempatar essa!


O Globo 22.9.75
A etapa de Brasília não foi tão movimentada com a de Interlagos e o jornal fala sobre o Festival do Batom, muito interessante...

O Correio Brasiliense 22.9.75 (?)
Festival do Batom - O Maverick vencendo com as mulheres também. Leia mais sobre este festival aqui no blog do Blog do Jovino. 




Depois as pessoas me perguntam por que é que eu gosto tanto de Maverick e de coisas antigas. Já não está obvio? Será mesmo que preciso explicar?


Quatro Rodas 10.75


A corrida, o torneio, os pilotos... todos estavam competindo para promover o Maverick de 4 cilindros, certo? Porque então a Quatro Rodas vem falar de argentino e brasileiro? Não sou o melhor em interpretação, mas, mudar o assunto assim, não faz sentido nenhum.

Pelo menos tem umas fotos interessantes. Bastante conhecidas não é mesmo?

Quatro Rodas 10.75

Que análise das corridas feitas por Pace heim! Muito bom mesmo e no final ele ainda diz: “Gostaria muito de correr contra ele (Carlos Garro) com qualquer tipo de carro, pois acho que ele não levaria vantagem.”

Quatro Rodas 10.75

Aí está a conclusão mais conhecida da Quatro Rodas. Geralmente só usam essa matéria para contarem como foi o Festival Maverick, todo mundo já viu e já conhece.



Bom, agora vem a revista que me impressionou: A Placar Magazine. Vejam:



Placar Magazine 26.9.1975
Que imagens!

Placar Magazine 26.9.1975

Que texto! A história é a mesma, claro, mas a forma que é contada muda bastante. Gostei muito do verdadeiro resumo das corridas que a Placar Magazine fez.
Citou-se aí também uma nova categoria, a Fórmula 2 Maverick. Leia sobre ela aqui.
Tem um carro 38 no grid?! Ele não estava nas minhas contas rsrsr


Meu amigo Mauricio de Andrade Silveira, um dos mestres do Blog do Ford Maverick, me enviou essa Auto Esporte e algumas fatos. Fico muito agradecido e reforço o pedido de que o Blog do Ford Maverick volte com força total!

Auto Esporte 10.75

Auto Esporte 10.75
Tinha até um carro sem número?! Era o carro do Norman Casari, que na verdade era o numeral 39.


Auto Esporte 10.75
A revista Auto Esporte é sempre interessante e eu fico admirado como mesmo falando do mesmo assunto, cada revista ou jornal sempre conta um fato novo.

Olha o Norman Casari sem número cortando caminho rsrsrs.

Eu e o Tito do Blog Titotilp estávamos tentando identificar qual carro cada piloto dirigiu e a Auto Esporte resolveu nosso problema com essa tabela maravilhosa.



Auto Esporte 10.75
Se eu fosse o fotográfo, só tiraria fotos do Pace.... Nada profissional rsrsr



Auto Esporte 10.75

Os Maverick sofreram muito!



Auto Esporte 10.75
Essa parte das fofocas é interessante, muito interessante!

Essa história de laxante nem me chama atenção, achei curioso e talvez um pouco de verdade o essa história de que os mecânicos haviam mexido nos carros, primeiro no de Garro, em Interlagos e no do Moco em Brasilia. Até faz sentido, mas porque o pessoal do Garro não mexeu na corrida de Brasilia também? Faz sentido sim, mas não passam de fofocas.

Olha essa imagem...


Auto Esporte 10.75
Agora os resultados com o número do carro que cada piloto guiou.



Auto Esporte 10.75


Auto Esporte 10.75

E o espetáculo a parte. A Auto Esporte diz que talvez não tenha dado tanta emoção ao público por causa da reta que era curta e também por toda emoção que a galera sentiu ao assistir os Maverick se pegando nas duas baterias em Interlagos.

Parece faltar pelo menos duas páginas da revista, mas assim já está muito bom.

O Globo 25.9.75
E é claro, se o carro vai bem nas pistas, eles aproveitam o sucesso nas propagandas.



Jornal de Caxias 27.9.75
Aí aparece o carro 25 com o nome do Pace. Depois vou tirar um tempo maior pra atualizar a lista de carros X pilotos de cada uma das corridas.



Placar Magazine 10.10.1975
Opa! Querem revanche né? Seria realmente muito bom, eu iria gostar de ver o Taununs, que quase foi fabricado no Brasil no lugar do Maverick, sendo pilotado por essa turma doida aí.
Foi sim uma corrida com vencedores, títulos, troféus, mas era levado muito na brincadeira pelo que podemos ver, de qualquer forma, a torneio atingiu todos os objetivos da Ford e isso é o que interessa.

Ver o Garro e o Pace correndo juntos novamente seria demais!


Eu concluo que o Maverick de 4 cilindros foi muito bem testado nessas corridas cheias de trombadas. Se a Ford queria promover esse carro, ela conseguiu! Nós acompanhamos a história do torneio desde seu nascimento até a bandeirada final. Quanta repercussão gerou na mídia!
Guiados pelos melhores pilotos sul-americanos e pilotos da formula 1, o Maverick não teve descanso. Eles não pouparam os carros, levando-os além do limite em cada corrida. Em alguns momentos parecia mais uma corrida de demolição, mas os Maverick continuaram firmes. Interessante também que os pilotos estrangeiros nem conheciam o Maverick, mas foram eles, principalmente os argentinos, que se deram melhor. Isso mostra como esse carro é bom e fácil de dirigir. Será que é preciso estar ao volante para saber disso quando lê-se uma história dessas? De jeito nenhum.
E os Maverick dragsters? Um show a parte, embora a Folha de S. Paulo tenha dito que foi  show monótono.  Se isso é monótono, então eu não entendo de nada! O brasileiro praticamente não conhecia essa modalidade, nem imaginava que um Ford Maverick poderia ser um dragster e nunca tinham visto carros acelerarem tão rápido e precisarem da ajuda de paraquedas para frearem. Isso não pode ser monótono. Isso pra mim é Histórico!
Sem falar de Gapp, ex-engenheiro da Ford e de Jack Roush, um fanático por Ford Mustang, que tem e pilota o avião Mustang.

Olha o que o Jack Roush ainda faz nos dias de hoje:




É mole? E pensar que ele poderia escolher qualquer carro do mundo!


Vou encerrando por aqui, mas ainda vou voltar a essa pesquisa para poder fazer novas pesquisas sobre esse assunto que no final das contas se torna vários assuntos!



Quatro Rodas 10.75

Folha de S. de Paulo 25.9.75 

Jornal do Brasil 25.10.75




Embora tenha falecido em 1977, José Carlos Pace ou simplesmente Moco, era um dos maiores pilotos do Brasil e do mundo. Confesso que só o conheci vendo aquele comercial do Maverick em que ele protagoniza, mas depois de ler e entender melhor, reconheço seu talento e feitos e hoje me tornei um fã desse monstro. Sou xará dele e eu nem gostava tanto de ser um José Carlos kkkkk, mas agora eu vejo esse nome com outros olhos. (meu pai que me perdoe!). Interlagos passou a se chamar José Carlos Pace. O recorde da pista antiga de Nürbrurgring é dele! Correu nas 24 Horas de Le Mans! E ainda tem mais, aguardem só para ver aqui no blog o que ele realizou a bordo do Maverick.


Olhem só esse vídeo:




Obrigado Moco!


Um abraço aos Maverickeiros, aos fãs do José Carlos Pace e a todos que gostam de automobilismo. Mais famoso por correr na Formula 1, é admirável como ele amava corridas! Ele fazia questão de correr em qualquer categoria que aparecesse.
Espero que vocês tenham conseguido entender a história em meio ao meu entusiasmo todo junto com essas várias reportagens da mesma data.


Agora, mais do que nunca, vejam as fotos espetaculares do fundo do baú, acervo particular do grande Herberto Hahmann, um dos felizardos que puderam estar em Interlagos naquela época maravilhosa!



SE VOCÊ VAI COPIAR ESSAS FOTOS, PENSE BEM, NÃO DEIXE DE DAR OS CRÉDITOS A QUEM SE ESFORÇOU E DIVIDIU CONOSCO. TODOS OS DIREITOS SÃO DO HERBERTO HAHMANN.
























Essas fotos são incríveis! Estou emocionado....

Agora algumas das imagens que o Mauricio de Andrade Silveira enviou:


Em Brasília

Em Brasília

Em Brasília

Em Brasília

Se você tem mais informação sobre essas corridas, entre em contato, podemos publicar aqui no blog.

Ford Abraço!


FORD MAVERICK NA HISTÓRIA
A História do Maverick contada como você nunca viu! 

Estamos na rede TSU, venha ver!
tsu.co/MaverickNaHistoria

Curta a página e confira nosso conteúdo exclusivo para o Facebook:

Inscreva-se em nosso canal do Youtube:
www.youtube.com/user/mvk8/videos


E-mail para contato:
juninho8fonseca@gmail.com

Obrigado pela visita!

No Facebook


Conheça os Relocímetros, uma linha de relógios especiais para quem curte carros. De parede, de pulso e de mesa. Acesse www.autosbizus.com.br .